*Assistência de Viagem: por que contratar?


Sempre recebo dúvidas de leitores sobre contratação de seguro de viagem. É necessário mesmo? Como funciona esse tal de seguro obrigatório para União Europeia? Dá para viajar só com o seguro oferecido pelo cartão de crédito? Vamos responder essas e outras dúvidas neste post.

Ninguém quer ficar doente durante as férias, mas acidentes e azar acontecem. Se você tiver que usar um hospital no exterior, por exemplo, você vai ter que ter muita paciência para lidar com todo o estresse, burocracia e os altos custos. Por isso, mesmo que você não faça uso do seguro, não vale a pena viajar sem ele.

 

Vários países na Europa, que assinam o Acordo de Schengen, exigem que os turistas tenham um seguro com cobertura de 30 mil euros. Os países são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça.

Caso o oficial da imigração peça para conferir sua apólice de seguro e você não tiver uma cobertura nesse valor (ou não tiver contratado seguro), ele pode te impedir de entrar no país. Imagina perder uma viagem por não ter contratado um simples seguro?

O seguro é basicamente inclui a cobertura financeira para emergências médicas, perdas de bagagem, acidentes e outros problemas. Cada seguro cobre isso de forma diferente, então é essencial que você leia com muito cuidado a apólice. Já a assistência de viagem vai além do seguro, porque junta essa cobertura financeira com um auxílio ao viajante, como um telefone gratuito e atendimento em português 24 horas por dia, que te informa e auxilia no caso de qualquer problema.

O seguro oferecido pelos cartões de crédito costuma dar cobertura financeira somente no caso da passagem ter sido comprada com o cartão. Além disso, esse tipo de seguro só disponibiliza um valor para pagamentos das despesas emergenciais, e isso no próprio cartão, ou oferece um reembolso. Ou seja, dependendo dos casos, isso não é de grande ajuda. A melhor ideia é combinar o seguro oferecido pelo cartão com a contratação de uma assistência de viagem.

Hoje em dia, é bem mais fácil contratar assistência de viagem pela internet. Um exemplo legal de quem oferece esse tipo de serviço online é a IAC – International Assistance Card, uma empresa que tem mais de 15 anos e oferece dois tipos de planos, o Economy, com cobertura de US$ 50 mil, e o plano Premium, com cobertura de US$ 1 milhão. Os planos da IAC tem cobertura total de lesões, doenças durante a viagem, cobertura de perda de bagagem, cobertura de esportes recreacionais, incluindo esqui e snowboard (é pouco comum os seguros cobrirem esse tipo de coisa) e emergência dentária.

Sabe o que é o mais legal? A IAC está oferecendo um desconto de 30% para os leitores aqui do blog (uhull). Além do desconto, vocês ainda podem pagar o seguro em até 10x sem juros.

Para Conseguir o Desconto de  30%

  • Acesse o site:  www.iactravel.com.br 
  •  No final de sua compra, digite o CUPOM: VIAGEM30  (válido até 31 de Maio).

*Post Patrocinado


Booking.com

Ajude-nos a manter o site com conteúdo sempre gratuito!

Quando você faz uma reserva com um dos nossos links afiliados, você nos ajuda a viajar mais. E o melhor: você não paga nada mais por isso! Obrigada pela força! :)

More from Deise de Oliveira

Gran Parrilla del Plata e um passeio pelo bairro de San Telmo

Para quem estiver passeando pelo bairro de San Telmo, o Gran Parrilla...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *