Este na verdade foi o primeiro tour que eu a a Jacque fizemos em SF. Acordamos cedo e fomos ao lugar marcado para esperar o nosso ônibus.

O guia – à primeira vista – tinha algo de teatral, era como se quando ele estivesse no ônibus fosse uma pessoa, mas fora dele outra. Até aí tudo bem, o cara era um guia. Tinha que ser teatral mesmo. Nós só não imaginávamos que ele conseguiria ser teatral por tanto tempo! A viagem de ônibus até Carmel durou mais ou menos 4 horas, e o cara falou as 4 horas sem parar! Era tão trágico, que se tornou engraçado. A gente não conseguia parar de rir – principalmente quando percebemos que o senhorzinho que estava do nosso lado, estava bufando a cada 5 segundos. Ele também não aguentava mais o Doug – ou Doug Funny para os mais íntimos.Carmel by the sea - Califórnia
Bom, queridos leitores, vocês devem estar se perguntando: E Carmel, afinal? Como é?
Queridos leitores, eu respondo: começando com a rodovia 17-mile drive. A vista é simplesmente linda. É uma estradinha na beira do precipício, onde se você não prestar atenção, cai no mar fácinho.Carmel by the sea - Califórnia
A primeira parada do Doug Funny foi em Davenport. Um vilarejo minúsculo na beira do mar, onde paramos apenas para comer algo e irmos ao banheiro. Em seguida, entramos em Pebble Beach e pudemos ver as centenas de mansões onde os mais abastados passam os seus finais de semana. Bem bonito, mas não é muito a minha praia.
Chegamos em Monterrey e tivemos algumas horas para fazer o que quisermos e também para almoçar. Como sempre, eu a Jacque havíamos levado o nosso lanchinho super completo e nutritivo, então nem gastamos nada por lá. A cidade é bem carinha e os restaurantes bem salgados. Os preços não são nada comparáveis com São Francisco. Lá também há um aquário que possui um dos andares no fundo do mar. Coisa de primeira!
Nós então fomos andando pela costa até achar uma extensão de areia o suficientemente grande a ponto de podermos chamar de “praia”. E fomos andando em direção à uma prainha e nos sentamos para fazer o nosso pique-nique.
Logo que sentamos, uma gaivota – uma amiguinha minha – percebeu que estávamos com comida e se aproximou. Eu dei uma migalhinha pra ela e, como num passe de mágica, outras companheiras vieram. A Jacque, que é o único ser humano que eu conheço que não gosta de bichos, começou a surtar. Surtou tanto, que eu fiz até um vídeo deste momento inesquecível.hehe
Depois do almoço, fomos então para Carmel. Lá sim, tivemos a possibilidade de ver uma praia nos moldes das praias daqui do Brasil: grande faixa de areia branca e bem fininha. A única diferença era a temperatura da água, que é muuuito fria. Congelante! Eu não consegui nem colocar o dedão do pé na água.
O centrinho de Carmel é bem bonito e cheio de lojas caríssimas, tem até uma loja da Tiffany por lá. Se você gostar de lugares sofisticados, este é um lugar para se visitar. As casinhas são todas muito bonitas e com jardins super floridos e bem cuidados. Aqui também há diversas galerias de arte.
Vocês sabiam que o ator Clint Eastwood já foi prefeito daqui entre 1986 e 1988? Pois é, o cara é bom mesmo!
Apesar de ser muito lindo, confesso que não é a minha cara. Mas com certeza valeu a pena conhecer!Carmel by the sea - Califórnia
Se você quiser passar a noite em um hotel, prepare-se para gastar um pouco. No site do Expedia você encontrará uma lista de hotéis.

Clique aqui para mais informações sobre o tour.

http://www.youtube.com/get_player


VIAGEM COM DESCONTO?

Nós temos diversos parceiros para te ajudar a viajar mais barato:
Booking.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here