Para visitar o Kremlin em Moscou

Moscou Para visitar o Kremlin em Moscou

Kremlin em russo significa “fortaleza”, mas como esta de Moscou é a mais imponente de todas, ela ficou conhecida como simplesmente Kremlin, ao invés de Kremlin de Moscou. Situada bem no centro da cidade, (a entrada é feita pela Praça Vermelha) e com um espaço de cerca de 30 hectares, o ideal é reservar um dia todo para este lugar.

A fortaleza começou a ser construída em 1156 em madeira. Depois, a madeira foi substituída por calcário (o que fez Moscou ter o apelido de “cidade branca” por um tempo). Já em 1495, o czar Ivan o Terrível ordena a construção de muros, igrejas, palácios e também a Praça Vermelha (como forma de limpar o campo de visão em caso de invasão).

Por ser um símbolo de Moscou, o Kremlin foi diversas vezes destruído, mas tudo foi reconstruído e colocado em seu devido lugar. Napoleão destruiu 6 torres e outros monumentos foram destruídos com a tomada de poder pelos bolcheviques.

Durante o período soviético, o espaço continuou sendo usado pelo Governo e Lênin até morou aqui. Stalin também tinha alguns quartos por aqui.

Praça da Catedral: aqui é o coração do Kremlin e onde você vai encontrar 3 catedrais e mais 3 prédios. Dentre eles, você verá:

Catedral da Dormição: ela foi construída entre 1475 e 1479. Muitas coroações dos czares foram feitas aqui, por ser esta a “mãe” das igrejas de Moscou. Além disto, muitos patriarcas russos estão enterrados aqui.

Catedral da Anunciação:foi construída entre 1484 e 1489. Ela era a catedral que os tzares frequentavam as missas. Por ser cheia de cúpulas, ela chama bastante atenção.

– Catedral do Arcanjo:foi construída entre 1505 e 1508. Ela é bem maior do que as outras e muito linda!

São 20 torres ao todo. A mais famosa delas é a Torre do Salvador.

Torre do sino de Ivan, o Terrível: reza a lenda que a torre marca exatamente o centro de Moscou. Ela parece uma vela acesa e foi completada em 1600. Durante muitos anos ela foi a estrutura mais alta da cidade, pois era proibido construir prédios mais altos que ele.

Já o sino, é tão grande que reza a lenda que ele nunca foi usado, pois quebrou assim que foi instalado. Ele fica em um pedestal de frente para a torre.

Arsenal: foi originalmente construída para o czar Pedro, o Grande.

Não deixe de visitar o prédio de depósito de armas (Armoury) para ter um pouco de idéia do luxo em que os czares viviam.

Booking.com
Deise de Oliveirahttps://www.viagempelomundo.com/
Doutora em Literatura russa, viajante compulsiva e fotógrafa de cães no Spitz Fotografia Pet. Criadora do Viagem pelo Mundo, já estudou em Moscou e morou na França. Adora mergulhar, fazer agility com o Wurst (seu spitz alemão) e uma cervejinha com os amigos. Siga-a nas redes sociais: Facebook Twitter

Related Stories

Booking.com
15,498FansLike
18,921FollowersFollow
23,554FollowersFollow

Mais populares

Mapa do rodízio em São Paulo e como evitar...

Uma coisa que não só os moradores de São Paulo devem saber, mas também...

Como chegar em Morro de São Paulo saindo de...

Para quem está com vontade de fazer um passeio em Morro de São Paulo...

Remédios para enjoo: leve em sua viagem!

Se você é assim como eu, enjoa só de olhar o mar, o ideal...

Viagem com cachorro para os EUA (na cabine)

Resolvi escrever esse post depois de encontrar informações bastante divergentes sobre viagem com cachorro...

Como chegar perto do letreiro de Hollywood?

Muitas das pessoas que viajam a Los Angeles desejam tirar fotos do famoso letreiro...

O que fazer em Florença, Itália: roteiro de 3...

Viajar a Florença (ou Fierenze) na Itália é o seu sonho? Então aproveite as...

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui