Roman Baths – Inglaterra: o melhor da cidade

Bath Roman Baths - Inglaterra: o melhor da cidade

Roman Baths – Inglaterra: o melhor da cidade

Não adianta. As pessoas vêm para Bath mesmo é para ver os rastros dos romanos por aqui e o famoso banho de águas quentes. Por mais clichê que isso seja, os banhos ainda continuam sendo o melhor passeio para se fazer em Bath.

Mas tenho que deixar bem claro é que você deve vir aqui sem pressa, pois você vai demorar pelo menos 1 hora (eu demorei 2 horas) para ouvir todas as faixas do audioguide e observar sem pressa os detalhes do espaço. Se você vier com pressa, vai perder muita coisa, então venha com tempo disponível.

As águas sulfurosas que existem em Bath não podem ser encontradas em mais nenhum lugar da Inglaterra. Curioso, não? Por isso mesmo que os banhos daqui eram vistos como algo sagrado para os romanos. Inicialmente essas águas eram usadas pelos celtas em homenagem à deusa Sulis, que mais tarde os romanos identificaram com Minerva (daí vem o nome antigo de Bath, Aquae Sulis). O complexo começou a ser construído 30 a.C. e só foi concluído 300 anos depois!

O que fazer em Bath-5

Os romanos acreditavam que se pedissem para a deusa Minerva amaldiçoar alguém, ela faria. Quando as pessoas eram roubadas, elas escreviam um bilhete com o nome da pessoa (ou a roupa que a pessoa estava usando) e pedia para a deusa fazer o trabalho dela. Haja trabalho para a deusa, né? Hoje sabe-se que essa coleção de pedidos é o maior da Inglaterra.

Aqui você também vai entender como acontece o fornecimento de água no espaço e também dá pra ver a por onde a água chega no espaço (os espaço fica cheio de fumaça, para nos dar uma ideia da temperatura da água).

O que fazer em Bath-3

Os audioguides são muito explicativos e devem ser pegos na recepção. O valor deles já está incluso na entrada, e você não terá que pagar nenhum tostão a mais para isso. Aqui também há atores que ficam demonstrando como as pessoas viviam na época (meio brega e ao mesmo tempo engraçado).

Tenho que avisar aos navegantes que as águas não estão abertas para o banho, somente para visitação mesmo, ok? Como o espaço é muito antigo, essa foi a maneira encontrada para a preservação para que cada vez mais pessoas conheçam esse espaço. Ah, uma coisa legal daqui é que todo o sistema de aquecimento do prédio é feito pelas águas naturalmente quentes. Legal né? Super sustentável e com uso inteligente de energia! Será que eu já consegui convencer você a visitar esse maravilhoso lugar? Espero que sim!

Mais informações no site do Roman Baths.

Booking.com
Deise de Oliveirahttps://www.viagempelomundo.com/
Doutora em Literatura russa, viajante compulsiva e fotógrafa de cães no Spitz Fotografia Pet. Criadora do Viagem pelo Mundo, já estudou em Moscou e morou na França. Adora mergulhar, fazer agility com o Wurst (seu spitz alemão) e uma cervejinha com os amigos. Siga-a nas redes sociais: Facebook Twitter

Related Stories

Booking.com
15,497FansLike
18,973FollowersFollow
23,599FollowersFollow

Mais populares

Mapa do rodízio em São Paulo e como evitar...

Uma coisa que não só os moradores de São Paulo devem saber, mas também...

Como chegar em Morro de São Paulo saindo de...

Para quem está com vontade de fazer um passeio em Morro de São Paulo...

Remédios para enjoo: leve em sua viagem!

Se você é assim como eu, enjoa só de olhar o mar, o ideal...

Viagem com cachorro para os EUA (na cabine)

Resolvi escrever esse post depois de encontrar informações bastante divergentes sobre viagem com cachorro...

Como chegar perto do letreiro de Hollywood?

Muitas das pessoas que viajam a Los Angeles desejam tirar fotos do famoso letreiro...

O que fazer em Florença, Itália: roteiro de 3...

Viajar a Florença (ou Fierenze) na Itália é o seu sonho? Então aproveite as...

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui