Ataque de tubarão e surfistas: qual a probabilidade?

Início Novidades Ataque de tubarão e surfistas: qual a probabilidade?

Depois do surfista Mick Fanning ter conseguido escapar ileso de um tubarão branco, muitos de nós começamos a ter várias dúvidas: é possível fugir de um ataque de tubarão? Qual a probabilidade de eu ser atacado por um tubarão? O que fazer ao encontrar um tubarão?

Ataque de tubarão e surfistas: qual a probabilidade?

- Publicidade -

Muitos especialistas já disseram que o tubarão que “atacou” Fanning era filhote e que não queria atacá-lo (afinal, convenhamos: se ele quisesse morder, ele teria mordido, né?). Tubarões não costumam atacar pessoas em locais onde o ecossistema está em equilíbrio. Recife, por exemplo, tem um número enorme de casos de ataques de tubarões justamente porque eles não tem comida suficiente (devido à construção do porto de Suape, ao sul da cidade). Para saber mais detalhes da situação no Recife, clique aqui.

É tudo culpa do filme

Desde o lançamento do filme Tubarão, a imagem do tubarão como um monstro do mares só aumentou. Mas na verdade, o número de ataques de tubarão não é nada comparado ao número de tubarões que são mortos por humanos (100 milhões por ano, de acordo com Shark Research Institute) anualmente ou acidentes de trânsito.

Fonte: http://influid.com/mythbusters-shark-attack-infographic-unveils-the-truth/
Fonte: http://influid.com/mythbusters-shark-attack-infographic-unveils-the-truth/

- Publicidade -

Gary Adkison afirma que 99% dos tubarões atacam os humanos por algum erro. Os humanos não estão no cardápio deles como primeira opção, pois nós não fornecemos gordura suficiente para eles. Quando eles atacam um humano, provavelmente é porque ele o confundiu com um outro animal.

Foto: http://adventure.howstuffworks.com/shark-attack.htm
Foto: http://adventure.howstuffworks.com/shark-attack.htm

Número de ataques de tubarões no mundo

Neste site é possível verificar o número de ataques de tubarão que aconteceram no mundo. De acordo com especialistas, as chances de você ser atacado por um tubarão é de 1 em 11.5 milhões.  Os surfistas são os que mais são atacados, pois ficam mais tempo na água e na parte mais funda. A parte do corpo mais atacada são as pernas.

Fonte: http://influid.com/mythbusters-shark-attack-infographic-unveils-the-truth/
Fonte: http://influid.com/mythbusters-shark-attack-infographic-unveils-the-truth/

O que fazer para fugir de um ataque?

Se você encontrar um tubarão na água, o mais provável é apenas consiga usar o seu instinto, mas , se você conseguir, tente atacá-lo no nariz ou nos olhos, ou fuja o mais rápido que conseguir. Especialistas também recomendam não usar roupas de cores muito fortes (é mais ou menos a mesma teoria de usar vermelho para atrair o touro).

Como evitar um ataque de tubarão?

Especialistas dizem que o ideal é ficar sempre em grupo na água. Ao surfar, procure sempre ficar perto de outros surfistas, pois embora tubarões não enxerguem muito bem, eles se sentem intimidados pelo tamanho. Existe uma nova tecnologia que se chama Shark Shield para afastar os bichanos. O produto ainda é bastante caro, mas promete fazer com que os tubarões não se aproximem devido à radiofrequência.

Booking.com
Ataque de tubarão e surfistas: qual a probabilidade?, Viagem pelo Mundo blog
Deise de Oliveirahttp://www.viagempelomundo.com/
Doutora em Literatura russa, viajante compulsiva e fotógrafa de cães no Spitz Fotografia Pet. Criadora do Viagem pelo Mundo, já estudou em Moscou e morou na França. Adora mergulhar, fazer agility com o Wurst (seu spitz alemão) e uma cervejinha com os amigos. Siga-a nas redes sociais: Facebook Twitter

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Booking.com
VIAGEMPELOMUNDO5
Ataque de tubarão e surfistas: qual a probabilidade?, Viagem pelo Mundo blog
- Publicidade -