Domingo na Paulista: fechada para carros e aberta ao povo!


Uma das coisas mais bacanas que aconteceu nos últimos anos foi o fato de que agora, aos domingos, a Paulista é fechada para os carros e aberta para a população. Se você já passeou por lá nesse dia, sabe que o espaço virou quase que “uma praia” dos paulistanos, com pessoas de todos os tipos e muitas coisas para fazer.

A quantidade de pessoas que visita a Paulista aos domingos é apenas um reflexo de como a cidade ainda é carente de áreas de lazer para a população (segundo a CET, são 30.000 pessoas a cada domingo). É tanta gente morando por aqui que, infelizmente, não há áreas verdes suficiente para todos. Se pensarmos, então, na área central de SP, a situação fica ainda um pouco mais complicada, pois são muitos os prédios em uma região onde a especulação imobiliária reina (veja como exemplo o tão falado Parque Augusta, que ainda não saiu do papel). Por isso, espaços de múltiplo uso, como a Paulista aos domingos, é uma tentativa de suprir essa necessidade de ter áreas de lazer em regiões tão valorizadas.

Sabe aquela expressão “praia de Paulista”? Pois é, fico feliz em dizer que a praia do paulistano está ficando cada vez mais diversificada e incluindo lugares abertos.

Domingo na Paulista: fechada para carros e aberta ao povo!

Em cada ponto, há algum músico tocando, pessoas vendendo seus produtos, outros apenas aproveitando o espaço. Quer dançar um forró? Lá dá. Quer ouvir uma banda de rock? Lá também tem. Prefere um samba? Tem também. Além disso, acredito que a crise financeira deva ter contribuído para que as pessoas procurem outras formas de complementarem a renda, pois existem todos os tipos de barraquinhas por lá: hippies vendendo seus badulaques, camisetas com estampas de filmes, roupas para cachorro, pipocas e muito mais.

Procurando hotel? Reserve aqui em parceria com a Booking.com!

Domingo na Paulista: fechada para carros e aberta ao povo!

Tem um cachorro? A Paulista é um dos locais mais pet friendly da cidade. Na maioria dos shoppings dali é possível entrar com o peludo sem grandes problemas.

O que fazer na Paulista aos domingos

Se você não gosta de muita multidão, sugiro que você vá lá depois das 16h, que é quando as pessoas começam a ir embora para suas casas. Outra opção é fazer um combo Paulista + algum passeio cultural, como MASP,  Parque Trianon, Casa das Rosas, Itaú Cultural ou FIESP, onde sempre há exposições e coisas legais para fazer. Existe também um espaço novo, chamado Japan House, conhecem?

Cansou? Que tal dar uma parada na Livraria Cultura, pedir um café e pegar um livro? Essa é certamente a livraria mais bonita de São Paulo e merece uma paradinha.

Enfim, a Paulista de domingo é um evento democrático justamente porque tem opções para todos os gostos e bolsos. Se ela já era um ponto turístico antes, agora então, virou parada mais do que obrigatória!

Informações

Horário: a Paulista fica fechada para carros das 10h às 19h.

Como chegar: a melhor opção é sempre o transporte público.

Curta e compartilhe

More from Deise de Oliveira

Como chegar em Oxford

Como chegar em Oxford Segue então duas opções para se chegar a...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *