Esse final de semana fomos testar andar de metrô com o Wurst, nosso spitz alemão de 5.7kg, já que agora os pets de até 10kg e em caixas de transporte estavão liberados para andar em horários específicos e nos finais de semana (nos ônibus de SP já era permitido há alguns anos).

O Wurst tem uma caixa rígida, mas usamos ela muito pouco, pois ela acaba sendo grande e nada prática de carregar. Ainda usamos ela algumas vezes em competições de agility, quando estamos de carro, mas usá-la para andar de metrô é impossível. Por isso, sempre que temos que transportar o nosso peludo em lugares públicos, usamos a nossa bolsa de transporte, a mesma que é permitida para embarcar com pets na cabine de aviões.

Wurst dentro da Sleepypor Air, bolsa que é permitida até nos aviões, mas não no metrô de SP

Antes de entrarmos na estação, colocamos o Wurst na bolsa e entramos no metrô tranquilamente…deixamos até uma fresta para ele observar as pessoas e porque estava um dia muito quente. Foi um sucesso. O Wurst foi muito bem treinado por nós para ficar tranquilo dentro da bolsa e conseguimos seguir o nosso trajeto sem nenhum problema.

Na volta, a nossa surpresa: uma funcionária do metrô nos parou dizendo que esse tipo de bolsa não era permitido, que apenas caixas rígidas de transporte eram permitidas. Eu tentei argumentar que essa bolsa que eu tenho é própria para cachorros, que é aceita até em avião, mas ela não quis saber. Eu pedi, então, para falar com o superior dela.

O funcionário, muito educado, me disse que o que havia sido passado para ela era que apenas caixas estavam permitidas. Eu disse para ela que já andamos com o Wurst nos metrôs de Chicago e São Francisco com essa bolsa e que em todos os metrôs do mundo onde a caixa é permitida, a bolsa também era. Eu pedi, então, um número de telefone para fazer uma reclamação e ele me passou. Por fim, eu pedi para ele deixar a gente seguir nosso caminho, pois tínhamos que voltar para casa…ele deixou.

SEGURO VIAGEM COM DESCONTO?

Vai viajar? Não se esqueça de fazer o seu Seguro Viagem, pois ele além de ser um item indispensável para quem não quer gastar uma fortuna com imprevistos, é obrigatório para viagens para a Europa, por exemplo. Faça sua cotação e parcele em até 9X no cartão ou pague no boleto. Use o CUPOM VIAGEMPELOMUNDO5 para ter 5% de desconto!

O metrô só aceita caixa rígida de transporte. Ridículo, não?

Vamos pensar juntos: quem conseguiria carregar um pet segurando aquela alça horrível de uma caixa de transporte rígida? Acredito que apenas donos de gatos (isso se eles forem magros), pinschers e yorkshires.

A regra é que pets de até 10kg podem andar no metrô se for na caixa. Gente, quem é que consegue carregar um bicho de 10kg em uma caixa de transporte? Só se for o Huck!

Por isso, fiz a minha reclamação no SAC do metrô e peço que vocês, donos de pets que têm até 10kg e têm interesse em andar no metrô de SP, também façam a sua reclamação. Essa lei precisa ser mudada para conseguir de fato atender à população e seus pets de forma eficaz. Dessa maneira como está agora, apenas hamsters e pinschers poderão andar e metrô e isso não está muito certo, né? rs

Não vou nem entrar no mérito de que os cães de médio porte e grande porte não podem andar no metrô, o que também já é uma pena, mas se existe uma lei para que os pets de até 10kg andem de metrô, que seja de forma com que nós, como tutores, consigamos desfrutar do serviço de verdade e com conforto.

Como fazer também a sua reclamação 

SAC: 0800 770 71 00

A atendente foi muito gentil e me disse que eu fui a primeira a reclamar de não poder usar bolsa de transporte. Eles vão analisar o meu caso e retornar em 20 dias com uma posição.

Cães e gatos no metrô de SP: as regras

Horários permitidos: das 4h40 até as 6h; das 10h às 16h e das 19h até meia-noite e finais de semana.

Os pets devem ter até no máximo 10kg e devem ser transportados em caixa de transporte.

Atualização: eu recebi um email da ViaQuatro sobre o caso. Dá uma olhada na resposta:


“Prezada Deise,


 
Recebemos sua manifestação em relação a Lei nº 16.930/19 no qual autoriza o translado de animais domésticos de pequeno porte em trens, metrôs, VLT e ônibus intermunicipais.


 
Em relação ao seu questionamento a Lei especifica que o transporte deve ser feito “em container de fibra de vidro ou material similar resistente, sem saliências ou protuberâncias, à prova de vazamento, limpo, não contendo água, alimentos ou dejetos que possam causar qualquer tipo de incômodo aos demais passageiros;” . Se o suporte utilizado em sua viagem for com essas especificações, está permitido o uso normalmente do serviço.


 
Caso haja alguma dificuldade em sua próxima viagem, solicite o atendimento do supervisor da estação e/ou entre em contato conosco.


 
Atenciosamente,”

Ou seja: eles realmente estão relutantes. Por isso, decidi fazer um abaixo assinado e preciso de sua ajuda.

Clique aqui e assine a petição para podermos andar com nossos pets em bolsa de transporte no Metrô de SP.


VIAGEM COM DESCONTO?

Nós temos diversos parceiros para te ajudar a viajar mais barato:
Booking.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here