World Bike Tour: como aumentar as suas chances de participar

Início São Paulo World Bike Tour: como aumentar as suas chances de participar

 

- Publicidade -

Ontem nós participamos do World Bike Tour – um evento que reuniu 8.000 pessoas na nova Ponte Estaiada no aniversário da cidade de São Paulo. Muita gente com quem eu converseio não sabia o que era o WBT, mas muitos outros não haviam sido sorteados. Este post, então tem dois objetivos: explicar o que é o evento e para quem quer participar, mostrar como aumentar as suas chances de participar.

Então vamos por partes. O que é o World Bike Tour?

O WBT começou em Lisboa e tem o intuito de popularizar o uso de bicicletas como meio de transporte nas grandes cidades. Em SP já o evento já está na 5° edição e está cada mais mais organizado e conhecido.  Ah! E o legal é que todos os participantes levam uma bike novinha com mochila e capacete para casa!

- Publicidade -


Exibir mapa ampliado

O trajeto tem cerca de 10 km de extensão, e começa no mais novo símbolo da cidade – a Ponte Estaiada – e segue até o Velódromo na Cidade Universitária da USP. O trajeto é bem fácil de ser feito, pois a via expressa da Marginal é totalmente bloqueada para as bikes. Como quase todo o percurso é plano, o passeio é bem fácil de fazer.

E aqui vai uma dica para quem for passar de carro pela região no dia do WBT: evite! Use outras vias, ou você só vai passar raiva!

No ano de 2013 foram sorteados 8.000 bicicletas. Mas você deve estar pensando que é muito difícil ser sorteado, né? Difícil é, mas não é impossível. Vou deixar aqui umas dicas de ouro:

  • Fiquem de olho para não perder as datas de inscrição ao sorteio das bikes – que geralmente ocorrem por volta de outubro no site: http://www.worldbiketour.net/
  • A inscrição consiste basicamente de um cadastro dos seus dados (e de um acompanhante). Nessa fase não é necessário pagar nada;
  • Você pode fazer quantas inscrições quiser. E aqui está a chave do negócio! Eu e o Fábio fizemos mais de 50 inscrições cada um, e como cada um de nós tínhamos o outro como acompanhante (e quando uma pessoa é sorteada, o acompanhante também é), nós  tínhamos tecnicamente cerca de 100 inscrições.
  • Se você for sorteado, você terá alguns dias para pagar os R$250,00 de cada bike. Como eu fui sorteada (e consequentemente o Fabio também), pagamos R$500,00 pelas duas bikes.

Não foi sorteado mas quer muito participar? 

  • A dica é ir até a USP no último dia de entrega dos kits, que é no dia 24 de janeiro. Muita gente não vai buscar o kit (que é obrigatório para pegar a bike) então existe uma chance de se você ficar o dia  inteiro lá, consiga alguma bike.

E a bike? E o evento? São bacanas?

Você pode estar duvidando se uma bike por R$250,00 é boa, mas super valeu a pena! A bike é ótima (21 marchas e câmbio Shimano) e muito bonitinha. Obviamente você terá que cumprir com algumas regras para poder pegar a magrela:

  • o kit (mochila, squeeze, e camiseta) devem ser retirados dias antes do evento. No dia do evento você deve estar vestindo a camiseta, a plaquinha com o seu nome e a fitinha no braço com a cor que determinará a sua alça de acesso. Sem algum desses itens, você não poderá participar ou pegar a bike. É o preço que se paga por uma bicicleta tão barata, né?
  • chegue cedo para escolher as melhores bikes. Se você chegar tarde, provavelmente pegará uma que está com o vidro quebrado ou pneu furado. Teste a sua bike e veja se está tudo certinho com ela!
  • se você tem uma resistência física bacana, ideal é ir mais próximo da largada para não se irritar com as “tartarugas de plantão”.

Chegou na USP? E agora?

  • Chegou no fim do trajeto e quer voltar para casa de bike? Peça ajuda dos voluntários da Bike Anjo que estarão presentes.  Esses caras fazem um trabalho incrível e te ajudarão com a melhor rota para a sua casa. Nós estávamos tão animados que voltamos para casa pedalando!

 

 

Booking.com
Deise de Oliveirahttp://www.viagempelomundo.com/
Doutora em Literatura russa, viajante compulsiva e fotógrafa de cães no Spitz Fotografia Pet. Criadora do Viagem pelo Mundo, já estudou em Moscou e morou na França. Adora mergulhar, fazer agility com o Wurst (seu spitz alemão) e uma cervejinha com os amigos. Siga-a nas redes sociais: Facebook Twitter

4 COMENTÁRIOS

  1. Muito obrigado pelas dicas, no ano que vem estarei la com certeza, em relaçao as bicicletas elas sao boas msm, meu tio participo do primeiro wbt que teve em são paulo i ganhou a bike, eu uso ela ate hj, todos os dias praticamente, melhor meio de transporte que ja vi , recomendo.

  2. Deise valeu pelo comentário ,eu gostaria de ter participado mas perdi o prazo das escrisões, neste ano vou anotar direito na agenda. Gde abraço

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Booking.com
VIAGEMPELOMUNDO5
- Publicidade -