Capela da Quixaba – Noronha


Na verdade essa postagem comédia-protesto vem acompanhada de uma história pra vocês: quando eu estive em Noronha, eu fiz questão de assistir a boa parte das palestras do Tamar, já que elas são muito boas e informativas.

Em uma delas, a palestrante da noite disse que o dinheiro que o turista gasta com a taxa ambiental para entrar em Noronha (que não é nada barata, por sinal) estava sendo repassada inteiramente para a ilha. Ela disse incusive que quando alguém passa mal da lá, por conta do valor da taxa, o turista é levado sem custos adicionais para o continente.

Para mostrar que onde o dinheiro estava sendo investido, ela levou fotos da Capela da Quixaba. A capelinha pareceu bem preservada e eu e meus amigos ficamos com muita vontade de ir até lá visitar.
O lugar é meio fora de mão, mas achamos facilmente. Quando nos deparamos com uma minúscula igreja num vilarejo de umas 3 casinhas, ficamos muito decepcionados. Eita capelinha cara de se restaurar, hein?

Saí de lá com um sentimento de frustração e na dúvida se a taxa milionária que os turistas pagam por dia está mesmo sendo repassada totalmente para Fernando de Noronha ou está sendo desviada para o estado de Pernambuco (como dizem muitos moradores). Verdade ou não, aí fica a dúvida…


Booking.com

Ajude-nos a manter o site com conteúdo sempre gratuito!

Quando você faz uma reserva com um dos nossos links afiliados, você nos ajuda a viajar mais. E o melhor: você não paga nada mais por isso! Obrigada pela força! :)

Tags from the story
More from Deise de Oliveira

Como ir de Berlim para Praga

Para quem estiver em Berlim e quiser ir para Praga (ou vice-versa),...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *